Site Overlay

42% dos empréstimos são para trocar de dívida, aponta estudo

Um levantamento divulgado nesta sexta-feira (13) pelo Guiabolso/PicPay aponta que o principal motivo de os brasileiros contratarem empréstimo pessoal é para troca de dívidas. Dos 230 mil usuários ouvidos pela pesquisa, 42% pretendem usar um novo crédito com melhores condições para quitar uma despesa antiga com juros altos. 

Desse total, 35% responderam que usam o novo empréstimo para pagar a fatura do cartão de crédito e/ou sair do parcelamento rotativo, enquanto 11% têm como finalidade sair do cheque especial. 

Segundo o estudo do Guiabolso, 17% dos participantes pegaram, ao menos, um empréstimo no período de abril a junho deste ano. Dentro deste grupo, o valor médio foi de R$ 9.850. Até R$ 3.000 corresponde a 27%; entre R$ 3.001 R$ e 5.000 foram 18,7%; 26,7% entre R$ 5.001 e R$ 10.000; e 27,6% acima de R$ 10.001.

Veja também