Site Overlay

Banco Inter dispara mais de 19%; frigoríficos devolvem ganhos

Os papéis do Banco Inter (BID11) lideraram as altas desta segunda-feira (1) após dispararem 19,18% e fecharem o dia cotados a R$ 42,31.

As ações dos frigoríficos registraram as maiores quedas do pregão depois de encerrarem a semana entre as principais altas. Marfrig (MRFG3) caiu 4%, negociada a R$ 25,44, enquanto JBS (JBSS3) recuou 4,84%, para R$ 37,16.

A Petrobras (PETR4) avançou 2,75%, cotada a R$ 28, em meio ao avanço dos preços do petróleo no exterior. Além disso, o presidente Jair Bolsonaro disse nesta segunda-feira (1) que o governo federal não tem interesse nos dividendos recebidos pelo lucros da companhia e que conversa com a equipe econômica para que esses recursos sejam revertidos para abater o preço do diesel.

Entre as siderúrgicas, a Usiminas (USIM5) caiu 1,13%, para R$ 13,10; Gerdau (GGBR4) recuou 1,12%, para R$ 26,60, enquanto a CSN (CSNA3) subiu 1,62%, para R$ 23,15. A mineradora Vale (VALE3) reverteu a queda de mais cedo e passou a subir 0,99%, para R$ 72,32.

Fora do Ibovespa, os papéis da rede BK Brasil (BKBR3) fecharam em alta de 8,44%, cotados a R$ 7,45, após a companhia ter firmado acordo com a Vinci Partners para desistir da aquisição das ações da Domino’s pizzaria no Brasil.  Confira no Flash desta segunda.

Em relatório, Marcella Recchia, analista do Credit Suisse, afirmou acreditar que o mercado acolheria a decisão da rede de restaurante que, em meio às perspectivas macro mais desafiadoras à frente, deve permitir que a administração continue seu foco na execução das operações centrais de BK e Popeyes. O banco de investimento tem recomendação de compra para os papéis da companhia e preço-alvo em R$ 13.

Na mesma linha, Thiago Bortoluci e Galdino Falcão, do Goldman Sachs, também esperavam que a notícia fosse recebida positivamente pelo mercado, já que “reduz a complexidade dos negócios em um momento em que as condições operacionais de curto prazo permanecem voláteis, permitindo que a administração se concentre novamente na normalização de Popeyes e do Burger King Brasil”. A casa manteve recomendação de compra para as ações e preço-alvo em R$ 12.

Veja também