Site Overlay

Porto Seguro recebeu 664 mil inscrições para 10 mil vagas; 2.500 já foram efetivadas

O Meu Porto Seguro, projeto de impacto social criado pela Porto Seguro, visa auxiliar pessoas que foram afetadas pela crise do novo coronavírus

Com o objetivo de auxiliar pessoas que foram afetadas pela crise do novo coronavírus, o projeto de impacto social criado pela Porto Seguro, intitulado de “Meu Porto Seguro”, recebeu 664 mil inscrições. No total, a iniciativa registrou 280 mil cadastros concluídos. Das 10 mil vagas oferecidas, mais de 2.500 já foram efetivadas até agora e as contratações devem ocorrer até o mês de janeiro.

De acordo com assessoria de imprensa, mais de 9 mil pessoas que participaram do processo seletivo, mas não foram contratadas, já receberam acesso à Porto Educ, plataforma de ensino do projeto, e estão realizando cursos de capacitação em vendas, atendimento e negociação. “Esses cursos online vão ajudar tanto no aprimoramento profissional quanto na recolocação no mercado de trabalho no futuro”, destaca Bruno Garfinkel, presidente do conselho de administração da Porto Seguro.

Sobre o perfil dos candidatos, a Porto Seguro informa que mais de 60% dos inscritos são mulheres, millennials (44%), solteiras (64%), com ensino médio completo (34%) e provedoras da família. Elas são seguidas por mulheres da Geração Z (29%), casadas (29%) com graduação incompleta (24%). A maioria (mais de 80%) é bastante ativa digitalmente e tem o Facebook (60%) e o Instagram (55%) como suas redes sociais favoritas, sendo que 36% delas afirmam ter conta no LinkedIn, 5% no Twitter e 3% no TikTok.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *